pg-nmgaAtualização
Compartilhe

Academia Amazon Sebrae vai orientar empresas que querem iniciar o processo de internacionalização

Live ocorre em 28 de setembro. Objetivo é desmitificar o mercado no exterior e orientar os pequenos negócios sobre como efetuar as vendas por meio da plataforma de marketplaces
PorRedação
pg-nmgaAtualização
Compartilhe

A Academia Amazon Sebrae chega à sua quarta live em setembro e vai debater sobre a internacionalização das pequenas empresas. O objetivo é atrair empreendedores, empresários e interessados em expandir seus negócios para o mercado internacional, especialmente no mercado digital, por meio da plataforma. O bate-papo contará com a participação de um pequeno negócio que já comercializa nos Estados Unidos com a Amazon.

“Investir no mercado internacional pode ser uma oportunidade para os pequenos negócios melhorarem seus produtos, processos e serviços e conquistar um faturamento maior”, comenta o analista da unidade de Competitividade do Sebrae Flávio Petry.

A venda cross-border parece ser algo distante da realidade, mas com a Amazon esse processo não é complexo e pode ser o primeiro passo neste caminho de conquistar novos espaços.
Flávio Petry, analista do Sebrae.

As outras lives foram direcionadas aos donos de pequenos negócios dos segmentos de artesanato, casa e construção; moda e beleza; e para a venda de alimentos e bebidas.

E-commerce

Ao final dalive, serão disponibilizadas vagas para interessados em participar de workshop sobre o tema, em 10 de outubro, também no formato on-line. Na ocasião, o empresário poderá criar sua página e praticamente começar a operacionalizar as vendas. Saiba mais sobre a parceria Sebrae e Amazon.

Internacionalização

Os pequenos negócios já representam 40% dos exportadores brasileiros. No total, já são mais de 11,4 mil micro e pequenas empresas que comercializam para o mercado internacional. Os dados são de um levantamento realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) no início deste ano. Juntas, essas empresas conseguiram faturar R$ 3,2 bilhões.

  • Academia Amazon
  • E-commerce
  • internacionalização
  • Live