pg-nmgaAtualização
Compartilhe

CRAB recebe obras de artesanato consideradas patrimônio cultural do Brasil

Em parceria com o IPhan, exposição gratuita ficará aberta até 18 de novembro
PorRedação
pg-nmgaAtualização
Compartilhe

A exposição “Bens do Brasil: gente, saberes e tradições”, promovida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em parceria com o Sebrae, foi inaugurada nessa quinta-feira (19), no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro do Sebrae (CRAB), no Rio de Janeiro, em evento para convidados. A mostra reúne objetos e narrativas associadas a 11 bens culturais registrados pelo Iphan como patrimônio cultural do Brasil. Interessados podem conferir a exposição, que tem entrada gratuita, até 18 de novembro.

Abertura da exposição “Bens do Brasil: gente, saberes e tradições” no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro do Sebrae (CRAB). Foto: Pedro Brandão.

“Esta é uma mostra bastante significativa porque tem relação direta com o objetivo dessa parceria com o Sebrae. Também enxergamos nessa exibição um suporte de comercialização desses bens imateriais, demonstrando as possibilidades de incremento à economia da cultura. Isso aumenta as condições de cidadania do artesão e da economia de sua região”, afirmou Deyvesson Gusmão, diretor de Patrimônio Imaterial do Iphan.

O diretor de Desenvolvimento do Sebrae RJ, Sergio Malta, celebrou a parceria com o Iphan para a realização da mostra: “O patrimônio cultural brasileiro é a maior riqueza deste país. Como somos um povo rico em tradição e valores, ele torna-se um legado que precisamos mostrar ao mundo. Com essa exposição, o CRAB reforça sua missão de levar ao público a potência de nossa cultura e da produção de artesanato do país”.

Exposição “Bens do Brasil: gente, saberes e tradições” no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro do Sebrae (CRAB). Foto: Pedro Brandão.

Dos brinquedos de miriti que circulam em Belém (PA), durante o Círio de Nazaré, aos produtos comercializados na Feira de Caruaru (PB), a exposição proporciona um tour pelo Patrimônio Cultural da Amazônia ao Centro-Sul. A mostra reúne obras de moradores de comunidades, grupos e segmentos que mantêm relação direta com a produção de bens culturais de natureza imaterial, como o Mamulengo, o Babau e o João Redondo – alguns dos nomes pelos quais é conhecido o Teatro de Bonecos Popular do Nordeste.

Ao promover os territórios, os saberes e práticas de comunidades tradicionais, a exposição Bens do Brasil busca movimentar a economia criativa e fortalecer identidades culturais. Quem for à mostra, que é gratuita, ainda poderá conferir as colchas e toalhas tecidas pelas artesãs da Renda Irlandesa de Divina Pastora (SE) e as cuias do Baixo Amazonas (PA), além de objetos associados à Festa do Divino Espírito Santo de Pirenópolis (GO) e do Complexo Cultural Bumba Meu Boi do Maranhão.

Exposição “Bens do Brasil: gente, saberes e tradições” no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro do Sebrae (CRAB). Foto: Pedro Brandão.

Serviço
Exposição ‘Bens do Brasil: gente, saberes e tradições’
Data: 20 de outubro a 18 de novembro de 2023
Ingresso: Entrada gratuita (apresentação de documento com foto)
Local: CRAB Sebrae
Endereço: Praça Tiradentes, 69 – Centro, Rio de Janeiro (RJ)

  • Artesanato
  • CRAB
  • Cultura
  • Mamulengo