pg-nmgaAtualização
Compartilhe

Internacionalização de startups é tema de palestra no Rio Innovation Week

Segundo dia do evento traz dicas para os negócios inovadores interessados em explorar o mercado internacional
PorDa Redação
pg-nmgaAtualização
Compartilhe

As startups que desejam internacionalizar seus negócios, mas não sabem por onde começar, tiveram a oportunidade de acompanhar, nesta quarta-feira (9), a palestra do líder de projetos internacionais do Inova Mais, Rafael Rodrigues, no palco Sebrae. Segundo ele, a entrada no mercado internacional precisa deixar de ser um tabu para os pequenos negócios brasileiros, principalmente quando se trata de inovação e tecnologia.

“Quando se fala em internacionalizar, não quer dizer que você vai abrir uma filial ou uma representante da sua empresa em outro país, mas sim que você vai olhar para fora em busca de investimentos, oportunidades, editais e parcerias”, destacou o palestrante. Durante o painel, Rafael também apresentou as possibilidades de internacionalizar negócios, com apoio de iniciativas como o programa Sebrae Like a Boss, parceria do Sebrae com o Instituto Inova Mais. Segundo ele, o programa surgiu para atender a uma demanda por qualificação para o mercado internacional, além de oferecer conexão com os principais players internacionais parceiros.

“Percebemos que não existia ainda uma iniciativa que preparasse as startups para se conectarem como o mercado internacional. Muitas empresas conseguiam oportunidades para participar de missões internacionais de negócios, mas quando chegavam lá não estavam preparadas para enfrentar os desafios que viriam pela frente”, contou.

Até o momento, o programa já conseguiu confirmar mais de 20 parceiros institucionais locais e internacionais, como Unknown Group, EWC, UGlobally, AWS, Venture CUP China, U.Experience, entre outros. Além disso, inclui 13 parcerias com ecossistemas internacionais em países como EUA, Portugal, Holanda, UK, China, Estônia/Finlândia, Israel, Canadá, Arábia Saudita e Colômbia.

Confira abaixo algumas dicas do especialista para as startups que pensam em internacionalizar seus negócios:

  1. Faça um brainstorm com sua equipe para quebrar os tabus relacionados ao assunto. Neste primeiro momento, é preciso desmitificar o que é internacionalização e olhar para as oportunidades, identificando as possibilidades fora do país.
  2. Não tenha medo ou vergonha de buscar parceiros que já atuam no mercado internacional para te orientar, tirar dúvidas e ajudar na tomada de decisão de como adaptar seu negócio.
  3. Conheça as iniciativas do Sebrae para internacionalização de negócios como o Sebrae Like a Boss, que oferece capacitação gratuita com trilhas de conhecimento e conexão.
  4. Fique ligado nos editais disponíveis e procure se informar sobre empresas ou hubs de tecnologia existentes no país do seu interesse.
  5. Pesquise quem já internacionaliza e procure identificar quais foram os principais desafios que enfrentaram.

Para conhecer as capacitações gratuitas disponíveis, basta acessar a plataforma Startup Global.

  • Aceleração
  • Adaptação
  • Aporte
  • Carreira
  • Ciência
  • Desempenho
  • Estrutura
  • Futuro
  • Métodos ágeis
  • Mudanças
  • Mundo
  • Novo normal
  • Novos recursos
  • Projetos
  • Propostas
  • Rio Innovation Week
  • RIW
  • Startups
  • Sustentabilidade
  • Tecnologia